Solução de Alimentação Escolar desenvolvida pela Lemobs vence Prêmio InovaCidade 2022

Compartilhe este post

O Prêmio InovaCidade contempla iniciativas que cooperam para a melhoria da qualidade de vida nas cidades. A cerimônia será realizada durante a Abertura Oficial do Smart City Business Brazil Congress, no dia 24 de maio, e contará com a presença do CEO da Lemobs Sérgio Rodrigues para receber o troféu. Ao total 96 projetos foram inscritos, entretanto apenas 24 foram premiados, sendo a solução da Lemobs uma das iniciativas de destaque. 

“Em sua 9ª edição, o prêmio já se consolidou como um dos maiores destaques de reconhecimentos às iniciativas para as cidades. Com problemas cada vez mais complexos, as inovações tecnológicas, de costumes ou estilo de vida vêm assumindo um papel decisivo para solucionar demandas de pequenos municípios e em grandes centros urbanos. Para isso, é preciso divulgar e valorizar iniciativas que já apresentaram resultados positivos e que podem servir de inspiração”, comenta o presidente do Instituto Smart City Business, Leopoldo de Albuquerque.

O prêmio foi concedido pelo Instituto Smart City Business America, uma agremiação de relevância em governos e empresas do ramo de tecnologia e consultoria em Smart Cities. Entidades não governamentais como a Organização das Nações Unidas (ONU), Parque Tecnológico Itaipu (PTI), Prefeitura de São Paulo e a Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), também multinacionais como Siemens, Cisco, Huawei e Qualcomm integram a organização. 

A Lemobs foi reconhecida em 2020 com a solução SIGELU, composta por diversos módulos para a gestão de operações das cidades inteligentes. Desta vez, a solução premiada na edição de 2022 foi a de Alimentação Escolar Inteligente, uma ferramenta voltada  para a otimização da gestão das merendas escolares. 

O Sistema de Alimentação Escolar Inteligente é responsável por otimizar a gestão de alimentos em mais de 60 escolas. O software e aplicativo automatizam partes da elaboração de cardápios e fichas de preparo, além do gerenciamento de estoque de alimentos de toda a rede, com aprovação de pedidos e teste de aceitabilidade e qualidade dos alimentos. Também conta com uma ferramenta que possibilita o acompanhamento nutricional dos alunos, armazenando dados de saúde como alergias e intolerâncias. 

A solução foi premiada por sua eficiência em reduzir 20% de erros em solicitações, auxiliando na diminuição de desperdício de alimentos e do tempo utilizado para gerar o Mapa de Merenda, com a estimativa de 4 horas minimizadas para 5 minutos. Além disso, por seguir as diretrizes do PNAE, teve impacto direto na agricultura familiar. O sistema identifica a oferta dos agricultores e as necessidades das escolas, gerando pedidos e automatizando a distribuição, assim, aumentando o apoio da Secretaria de Educação à agricultura familiar. 

Não é a primeira vez que a ferramenta é reconhecida. No final de 2021, a equipe da Lemobs foi convidada a apresentar a solução AEI na Conferência do Clima da ONU (COP26) justamente pelo seu potencial de redução de desperdício de alimentos e promoção da agricultura familiar. 

Para Sérgio Rodrigues, CEO da Lemobs, este é um importante reconhecimento que consolida o trabalho da startup no desenvolvimento de soluções para as SmartCities e demonstra, mais uma vez, o potencial da ferramenta de Alimentação Escolar Inteligente na gestão das merendas e no apoio ao cumprimento de pelo menos 4 dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável promovido pela ONU para a agenda 2030.

Recebe novos posts em seu email

Veja mais